A República Dominicana foi considerado o melhor destino de Golfe das Caraíbas, em 2016, pelos eleitores da Organização Mundial de Golfe.

É a terceira vez consecutiva que uma Organização Internacional reconhece o país enquanto destino de Golfe. O processo de votação foi assegurado por profissionais relacionados com a indústria do turismo e do Golfe, “altos executivos, compradores, operadores turísticos e profissionais dos meios de comunicação social”, que decorreu entre 14 de março e 1 de outubro deste ano.

A República Dominicana conta, atualmente, com 28 campos, alguns dos quais desenhados por nomes consagrados como Pete Dye, P. B. Dye, Jack Nicklaus, Robert Trent Jones, Gary Player e Tom Fazio.

Punta Cana, Bavaro, e Cap Cana na costa leste, oferecem 10 campos de Golfe a cerca de meia hora de distância uns dos outros. Os jogadores que ficam alojados em Punta Cana podem também chegar facilmente ao famoso trio de campos de Pete Dye, localizado na Casa de Campo, em La Romana.

Para aqueles que estão hospedados em Santo Domingo, os trajetos são também muito acessíveis. Recomenda-se o desafiante campo de Gary Player, no Guayaberry Golf Club, e o Los Marlines Golf Course nas proximidades do Metro Country Club.

Jogar golfe na República Dominicana é uma experiência ímpar não só pela qualidade e beleza natural dos campos como também pela oferta turística complementar, hospitalidade do povo e clima de sonho, garante o Turismo da República Dominicana.