TUIFly Facebook

A ilha do Porto Santo tem a partir de hoje uma nova ligação aérea à capital holandesa, Amesterdão, uma operação que durante o verão vai permitir pela primeira vez a chegada de 1.100 passageiros provenientes daquele mercado.

O secretário regional da Economia, Turismo e Cultura madeirense disse à Lusa que esta nova ligação “corresponde à aposta que tem vindo a ser seguida, pelo Governo Regional, na maior abertura e notoriedade externa desta ilha”.

Eduardo Jesus salientou que o Porto Santo precisava “de afirmar-se enquanto destino turístico mas, também, enquanto território capaz de responder aos anseios e necessidades da sua população”.

O governante madeirense sublinhou que foi “nessa lógica, aproveitando o potencial existente e dando-lhe uma outra valorização, que se criaram condições de maior atratividade às quais o mercado, interno e externo, tem vindo a responder favoravelmente”.

Também sustentou que na base está “uma estratégia que tem resultado e que deverá manter-se para o futuro, focada no desenvolvimento económico e na maior qualidade de vida dos residentes”.

A nova ligação aérea da TUI é um voo triangular, porque tem paragem na Madeira, mas “existe, todavia, a expectativa de que, em função do seu sucesso”, possa passar a ser uma ligação direta “já no próximo ano, sem passar pelo aeroporto Cristiano Ronaldo”, apontou.

Em termos de ligações internacionais, o aeroporto da ilha do Porto Santo recebe presentemente voos diretos do Reino Unido (Londres, Birmingham e Manchester), da Alemanha (Dusseldorf) e de Itália (Milão), maioritariamente concretizadas durante o verão.

Ainda aterram aeronaves provenientes da Dinamarca (Copenhaga e Billund), de outubro a maio, com efeitos diretos e altamente positivos na redução da sua sazonalidade, realçou o responsável madeirense.

Segundo os dados oficiais, o aeroporto do Porto Santo registou, nos primeiros quatro meses deste ano, crescimentos de 12,8% no número de passageiros, o que corresponde à passagem pela ilha de mais de 30 mil pessoas, e de 11,5% nos movimentos de aeronaves.

Quanto aos mercados, a lista é liderada pelo português (+8,2%), com voos efetuados pela TAP e a Aerovip [companhia que assegura as ligações aéreas entre as ilhas da Madeira e Porto Santo], transportadoras que registarem aumentos de 37% e 17% no número de passageiros, respetivamente, seguido do dinamarquês tem um crescimento de +19,1%, neste mesmo período.

Lusa


Veja também:
Delta Airlines prestes a voar diariamente entre Lisboa e Nova Iorque
10 melhores companhias aéreas do mundo