O Dubai é considerado uma das cidades com o crescimento mais rápido do mundo e recebe todos os anos milhares de turistas. Estima-se que, até 2020 – ano em que o Dubai será a sede da Expo Mundial -, 20 milhões de pessoas o visitem anualmente.

Esta semana, foi anunciado que o Emirado voltará a crescer – desta vez com duas novas ilhas artificiais, construídas em ambos os lados do Burj Al Arab.

Segundo a agência de notícias WAM, o projeto de hotelaria, Marsa Al Arab, terá um investimento de 6,3 mil milhões de dirhams (1,57 mil milhões de euros). Uma das ilhas será dedicada ao turismo familiar e terá um teatro com capacidade para 1700 pessoas – que será o palco do primeiro espetáculo do Cirque du Soleil no Médio Oriente -, bem como vários resorts familiares, um parque aquático e 300 apartamentos. A outra será uma ilha de luxo, com um boutique hotel, 140 villas e uma marina privativa. Marsa Al Arab acrescentará 2,2 quilómetros de praia à costa do Dubai.

O porta-voz da empresa Dubai Holding afirmou que o início da construção está previsto para junho deste ano e que as obras terminarão em 2020, antes do início da Exposição Mundial. As ilhas acrescentarão perto de 2400 novos quartos de hotel ao Grupo Jumeirah.


Veja também:
5 locais para visitar no Dubai (por quem lá vive)
Os locais mais incríveis para se viver no Dubai

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.