St. Regis, Turquia
Israel e a Turquia nem sempre são notícia pelas melhores razões, mas não descuram o cuidado que emprestam ao turismo e à hotelaria. O Elma Arts Complex Luxury Hotel, perto de Telavive, e St. Regis, em Istambul, estão aí para o provar.

Hotéis

Israel

Quantas vezes foi assistir a um concerto de música ou a uma peça de teatro e não teve vontade de voltar para casa, seja por cansaço ou para prolongar o momento? O Elma Arts Complex Luxury Hotel parece ter nascido para solucionar a questão. Um edifício que é casa das artes e hotel, situado em Zichron Ya’akov, pequena cidade a norte de Telavive. Construído em 1968 como sanatório, no topo de uma colina com vista para o Mediterrâneo, chegou a estar programada a sua demolição, mas graças a uma colecionadora de arte local (Lily Elstein) ganhou uma nova vida e está agora a dar que falar um pouco por todo o mundo. Tem 38 quartos, 22 apartamentos, spa, um restaurante de comida kosher e ainda duas galerias para exposições, uma sala com capacidade para 450 pessoas, um órgão de tubos e dois pianos Steinway. Não há desculpa para dormir durante os espetáculos (elma-hotel.com).

Turquia

Istambul é uma cidade bela e surpreendente. Tão tradicional e conservadora como cosmopolita e luxuosa, repleta de restaurantes e hotéis. O recentemente inaugurado St. Regis (parte integrante do grupo Starwood) é um deles. Mas não pretende ser apenas mais um, autodenominando-se desde logo como o «novo epicentro onde vão os viajantes sofisticados e a elite local». As ambições são elevadas por isso não olharam a meios. Entre os seus 118 quartos está uma suite Bentley, inspirada no modelo Continental GT, resultante de uma parceria com o construtor britânico. Tem spa, bar e restaurante com vista para a cidade. Bem no topo de Maçka Park, distrito de Nisantasi, a Quinta Avenida de Istambul. (thestregisistanbul.com)