O BTT é muito mais do que um desporto ou um passatempo. É também uma excelente forma de viajar. Eis dois programas de eleição em território europeu.

O que é que sabe sobre a Macedónia? Por muito que se diga que já não há segredos para descobrir no Velho Continente, este país balcânico que faz fronteira com Kosovo, Sérvia, Bulgária, Grécia e Albânia é ainda relativamente desconhecido em termos turísticos. É verdade que não tem mar, mas possui uma história e paisagens muito ricas e diversificadas. Mais de 50 lagos, 16 montanhas com altitude superior a dois mil metros e milhares de quilómetros de estradas rurais são alguns dos seus encantos. É precisamente para desbravar estes terrenos que o operador Bike Tours criou um programa de nove dias. O nível de dificuldade é médio e estão também incluídas algumas caminhadas. Já a H+1 Adventures propõe uma viagem por um país que, tal como a Macedónia, também fez parte da Jugoslávia, mas está turisticamente mais desenvolvido – em grande parte devido à sua localização, a dois passos da Europa Central, entre os Alpes Julianos e o mar Adriático. Trilhos que os participantes irão percorrer durante uma semana, num pacote que tem uma etapa muito especial: a possibilidade de pedalar em três países no mesmo dia, que é como quem diz tomar o pequeno-almoço na Eslovénia, almoçar na Áustria e lanchar em Itália.

Eslovénia
Preço: 1320 euros por pessoa
mountainbikeworldwide.com/bike-tours/slovenia

Macedónia
Preço: 1278 euros por pessoa
biketours.com/Macedonia/discover-macedonia