Foto: Pixabay

A Emirates, que está a comemorar 10 anos de operação em Portugal, terá, a partir de agosto, 11 voos semanais Lisboa-Dubai.

Atualmente com um voo diário desde o Aeroporto Humberto Delgado, a companhia aérea do Médio Oriente considera a capital portuguesa “um mercado chave” das suas operações.

As ligações Lisboa-Dubai, inauguradas em 2012, ajudaram na última década a abrir novos mercados emissores para Portugal, como a China, o Japão, a Coreia do Sul, a Austrália ou a Índia.

Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, entende que o reforço de voos para o Dubai vai permitir “a retoma da procura desses mercados e dos níveis de capacidade anteriores à pandemia.”

Já de acordo com o administrador da ANA-Aeroportos, Francisco Pita, a ligação ao Dubai tem vindo a facilitar a conectividade, não só com aquele destino, mas com um alargado conjunto de países da África Oriental, Oceânia e Ásia.

Para além dos voos de passageiros, explicou David Quito, country manager da Emirates em Portugal, Lisboa é também um importante destino de carga para a Emirates, em particular para a Emirates SkyCargo.

“Fica facilitado o comércio e o transporte de mercadorias, assim como o crescimento do negócio local”, adiantou o responsável. Entre as mercadorias em destaque na rota Lisboa- Dubai estão vestuário de moda, calçado, eletrónica e cargas sensíveis ao tempo e de alto valor, como produtos farmacêuticos.

Partilhar