José Luís Peixoto

José Luís Peixoto

passageiro frequente

josé luís peixoto

O último olhar antes de sair para sempre – José Luís Peixoto

As malas com que regresso a casa são sempre mais pesadas do que aquelas com que parti. Depois de arrumá-las e de conseguir fechá-las,...
A cidade dos escritores: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

Apenas passageiros a partir deste ponto: uma crónica de José Luís Peixoto

No fim de tudo, a única coisa que fica é um grupo maior ou menor de pessoas a despedirem-se no aeroporto. Depois do fim,...
Lugar à janela: uma crónica de José Luís Peixoto

“País, cidade, praça, música”, uma crónica de José Luís Peixoto no México

País, cidade, praça, música Uma crónica de José Luís Peixoto Centenas ou milhares: um número impossível de contar, como as estrelas. São um sonho surreal, um...
A cidade dos escritores: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

Em trânsito: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

Quando chego à porta aberta, ao cimo da escadaria do avião, é de madrugada e está um calor diferente, árabe. Tenho uma multidão à...

Teremos sempre Sófia

Uma crónica de José Luís Peixoto. O «Passageiro Frequente» da Volta ao Mundo.
Lugar à janela: uma crónica de José Luís Peixoto

Zagreb: uma crónica de José Luís Peixoto

Por baixo de Zagreb está uma cidade que só eu consigo ver. Os edifícios, a paisagem, as pessoas e os objetos estão no mesmo...
A cidade dos escritores: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

Rivera: uma crónica de José Luís Peixoto

Na entrada da cidade, as bermas da estrada estão cheias de grupos de pessoas sentadas em cadeiras de campismo. Tomam mate, seguram termos debaixo...
A cidade dos escritores: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

Quando chegarmos: uma crónica de José Luís Peixoto

E volto a aterrar num aeroporto, talvez já tenha estado aqui. De novo, o carrinho das malas, agora com ligeiras alterações, a pega tem...
A maior herança: uma crónica de José Luís Peixoto

Lugar à janela: uma crónica de José Luís Peixoto

É uma viagem sem turbulência. Olho pela janela e, lá em baixo, vejo a Mongólia, planícies imensas de uma única cor. Este voo entre...
A cidade dos escritores: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

O frigorífico: uma crónica do escritor José Luís Peixoto

O dono da casa tratava-me por José Manuel. À primeira, achei que corrigi-lo seria um ruído no ritmo da conversa, não valia a pena....

MAIS RECENTES